© by ICTYS. Entre em contato clicando aqui:

Curso de Magia Branca - 20: Tantra Yoga 2

25/08/2014

ANATOMIA OCULTA         

 

Você certamente já teve aulas de Anatomia na escola regular.  Mas existe uma realidade não visível que completa essa, que nossa medicina conhece. É revelada pela Medicina Chinesa, pela Quiroprática, Do-In, Acupuntura, etc.  Iremos, nesta aula, aprofundar nosso conhecimento sobre nós mesmos e sobre nossas capacidades desconhecidas no ocidente.

 

CORPOS  

 

Temos 12 corpos. Além do corpo físico, considerando as camadas como de uma cebola, cada corpo ocupa uma dimensão. O Primeiro, de cima para baixo, é do tamanho do nosso Universo de 80 bilhões de anos-luz de diâmetro. Depois dele, em camadas sucessivas, vão aparecendo os demais corpos ou veículos.   Assim, a Corrente de Vida, partindo de Deus, como uma Cascata de Luz provinda do Cristo Cósmico, Javé, inunda todos os nossos corpos. 

Dependendo do Sistema que seguimos, esses corpos têm nomes diferentes. Isto não importa, pois o que nos interessa é a Realidade de que somos feitos.   O primeiro Corpo é um só para todos os seres humanos. Deste modo, o que fizeres a teu próximo, a ti mesmo fareis. Ali todos somos Um Só. “O que fizerdes a um destes meus pequeninos irmãos, a Mim o tereis feito”, disse o Cristo.  Não estava falando de fazermos o sacrifício de “fazer o bem ao nosso próximo, mesmo aos nossos inimigos”.  O Divino Mestre estava revelando uma realidade que nós teimamos em não considerar: Todos são Um.

  

É ensinado no esoterismo que de Deus parte a Cascata de Vida, passa pelo Cristo Cósmico (Javé) e derrama-se no nosso Primeiro Corpo, que chamarei de Maha-Para-Nirvânico. O Espírito da Vida, divino, O Vivente, alimenta nosso corpo Maha-Para-Nirvânico, e, por meio dele, derrama-se nos demais, até chegar ao nosso Corpo Físico. Cada Corpo, como dissemos, está em uma Dimensão ou Universo Paralelo. Cada um desses Universos tem um Governante, ou Príncipe. É um mundo ordenado. “Em cima como em baixo”, disse Hermes, pois vivemos em comunidade em cada um desses Universos. É de lá que recebemos ajuda espiritual, pois ao morrermos, nossa consciência irá percorrer essa linha de Universos, até o último.  

 

No fenômeno da incorporação, se querem saber, a inteligência incorporante que vem do “além”, vem, na verdade, desses Universos Paralelos. Assim é na Psicografia,também. Muitas vezes, a inteligência incorporante é NOSSA PRÓPRIA INTELIGÊNCIA  SUPERIOR, OU OUTRO SER HUMANO QUE ESTÁ NESSA COMUNIDADE  PARALELA.  Precisamos saber disso e levar em conta essa verdade quando estamos diante do fenômeno incorporante, pois nós também temos um corpo NA MESMA DIMENSÃO, portanto, com o mesmo poder. Sabedor desta verdade, podemos conversar com a entidade incorporante de igual para igual, embora com o devido respeito.  Por causa dessa verdade, aconselhamos a mediunidade “por proximidade”, que nos deixa lúcidos e aptos a “curtir” o processo em nós mesmos.  Contudo, caso a incorporação ocorra em outra pessoa, BASTA TER CONSCIÊNCIA CLARA DO QUE ESTÁ ACONTECENDO, e cessa toda ignorância e medo. 

Quando uma “inteligência incorporante” sai da comunidade em que se encontra, em um Universo Paralelo,  ela CONTINUA LÁ. O que vem até nossa dimensão são “as ligações” que ela efetua com o corpo do médium ou com o nosso próprio corpo. Não é nada de temer, nem de assustar, nem de nos subjugar. É um fenômeno natural que ocorre muito freqüentemente, na maioria das vezes para nos trazer benefícios. 

 

NINGUÉM ESTÁ MORTO, TODOS ESTÃO VIVOS EM ALGUM LUGAR DOS MULTIVERSOS. ALÉM DISSO, TODAS AS INTELIGÊNCIAS SE COMUNICAM ENTRE SI.

 

Se queremos interromper a comunicação com a Inteligência incorporante, procede-se de dois diferentes modos:

 

1- Com espíritos evoluídos, levantamos a mão direita espalmada na direção da pessoa incorporada, e pronunciamos com energia os nome dos sete Arcanjos – Malek Uriel, Malek Ariel, Malek Tzafiel, Malek  Kamaliel, Malek Gabriel, Malek Rafael, Malek Mikael (este repetido 3 vezes).  Prontamente o “espírito” se retirará.

 

2- Com espíritos pouco evoluídos, colocamos nossas mãos nos ombros do médium, a direita no seu ombro esquerdo, a esquerda no seu ombro direito, concentramos nosso pensamento na Hierarquia Branca, e DAMOS UM SOPRO FRIO, FORTE, NA TESTA DO MÉDIUM, SUBINDO PARA O SEU CHAKRA CORONÁRIO.( Sopro frio é sopro fazendo bochecha. Sopro quente é exalando o próprio hálito).  Há um grande desgaste para o médium COMPATIBILIZAR sua vibração energética com a da inteligência incorporante, mesmo que esta se reduza para não maltratar o corpo do veículo (cavalo).  O “Link” de ambos sempre exige muito do sensitivo ou médium.

 

 

LIGAÇÕES NECESSÁRIAS 

 

São as ligações dos nossos Corpos Sutis com o nosso Corpo Físico. Como dissemos antes, cada Corpo Superior se liga ao imediatamente inferior, alimentando-o com Energia Vital. A pessoa tem de conhecer e dominar o processo para facilitar a conexão e impedir os bloqueios, principalmente entre o Corpo Etérico, ou Duplo, e o Corpo Físico.  Essa ligação é feita através dos CHAKRAS.

Chakras são os pontos de ligação e intercomunicação da energia vital do nosso Duplo Etérico com o nosso Corpo Físico. 

 

Estudaremos somente os 10 chakras mais importantes: três defensivos – tornozelos, joelhos e da articulação da coxa com os quadris; sete comunicadores de força – Coronário, frontal, laríngeo, cardíaco, do plexo solar, umbilical e básico.

 

Destes, um, o Coronário, recebe as Energias Sutis Espirituais, e os demais, são alimentados pelas Energias Telúricas, ou materiais.  Quer dizer que o Coronário capta energia dos nossos corpos superiores, ditas “positivas”,  enquanto os demais captam energias inferiores, ditas “negativas”.  Imagine um funil energético despejando energia para dentro do seu crânio: essa energia vai se concentrar na glândula pineal, e o excedente cai pela periferia do Corpo Físico no seu limite com o Duplo Etérico, produzindo a Aura. A Aura NÃO é Corpo.

 

A Aura é um Campo oval que circunda nosso Corpo Físico, e tem a função de o proteger de energias incompatíveis. Não digo “negativas”, digo “incompatíveis”, pois o que não convém a uns, convém a outros. A Aura reflete o estado de TODOS os Chakras, e por isto, a leitura da Aura revela o estado bio-psico-espiritual do indivíduo.

 

Note bem: a Aura é formada pelo ATRITO causado pela junção do Duplo Etérico com o Corpo Físico, a  nível do sistema nervoso.  Ademais, cada ligação do Duplo com o Físico é feita através de um liame em forma de flor ou funil, saindo do Duplo, cujo pedúnculo e haste passam pela glândula e plexo equivalentes.  Concluímos que os chakras principais sempre incluem uma glândula endócrina e um  plexo (ou terminal) nervoso. A porção final da ligação é inserida na MEDULA ESPINHAL.  Segundo a Tradição,  toda a energia Espiritual que flui para dentro do crânio se concentra na glândula pineal, derramando-se depois como uma chuveirada pela periferia do corpo. A pineal acumula essa energia E NÃO A REPASSA PARA A PITUITÁRIA ou Hipófise.  Já as energias telúricas, materiais, entrando pelos dedões dos pés, sobem pelas pernas, coxas, medula espinhal, e param na Hipófise, voltando, depois, pela narinas.  Assim, há um ESPAÇO VAZIO entre a Pineal e a Pituitária. Esse espaço vazio pode sofrer uma conexão. A isto se chama ILUMINAÇÃO, e ocorre quando for feita a conexão das energias negativas da Pituitária com as energias positivas da Pineal.  TODAS as funções mentais, então, darão um SALTO QUALITATIVO. Isto é estudado principalmente nos capítulos de Tantra Yoga, ou Kundalini Yoga.

 

CHAKRAS E CORPOS

 

 

 

Please reload

Destaques

Aula em vídeo 34: a criação do mal x a misericórdia

31/10/2019

1/10
Please reload

Postagens Recentes
Please reload

Archive